Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Génio da Lâmpada

Quarta-feira, 25.04.07
Um homem caminhava pela praia de Cascais e tropeçou numa velha lâmpada. Pegando nela, esfregou-a e... um génio saltou lá de dentro e disse:



"O.K.! Você libertou-me da lâmpada, blá, blá, blá! Esqueça aquela história dos três desejos! Você tem direito a um desejo apenas e ponto final.



O homem sentou-se e pensou por um instante. Depois disse:



"Eu sempre quis ir aos Açores, mas tenho um medo enorme de voar.E no mar costumo ficar enjoado. Você poderia construir uma ponte até aos Açores, para que eu pudesse ir de carro?"



O génio riu muito e disse: "Isto é impossível. Pense na logística do assunto. Como é que as colunas de sustentação poderiam chegar ao fundo do Oceano Atlântico? Pense em quanto betão armado. Em quanto aço. Em quanta mão-de-obra... Não, de maneira nenhuma! A ponte não pode ser! Pense noutro desejo..." O homem compreendeu e tentou pensar num desejo realmente bom.



Finalmente disse: "Sabe... Eu fui casado quatro vezes e quatro vezes me divorciei. As minhas esposas sempre disseram que eu não me importava com elas e que sou um insensível. Então o meu desejo é que eu possa entender as mulheres; saber como elas se sentem por dentro e o que elas estão a

pensar quando não falam com a gente... Saber porque é que estão a chorar... Saber o que elas realmente querem quando não dizem nada... Saber como fazê-las, realmente, felizes!



Ao que o génio respondeu: "Queres a merda da ponte com duas ou quatro faixas?"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 21:11







comentários recentes