Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Livro de Reclamações Online

Quarta-feira, 21.07.10

Se têm reclamações a fazer dos nossos serviços públicos e não estão para escrever nos livros que se encontram nos estabelecimentos para esse efeito e querem ou ficaram com vontade de o fazer mas com mais calma, então vão ao seguinte site.

 

www.sires.gov.pt

 

O que é o RES?

 

O RES é um sistema integrado de suporte às Reclamações, Elogios e Sugestões para a Administração Pública que permitirá conhecer melhor a opinião dos cidadãos e a avaliar a sua satisfação sobre o atendimento presencial nos serviços públicos.

 

O RES permite a qualquer cidadão:

 

- efectuar, de forma desmaterializada, a sua Reclamação, Elogio e Sugestão relacionada com o atendimento presencial;

 

- acompanhar o estado da sua Reclamação, Elogio e Sugestão online.

 

É uma excelente sugestão nos dias que correm.

 

Um Abraço

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 12:37

As Crianças

Sábado, 17.07.10

O autor e conferencista Leo Buscaglia certa ocasião falou de um concurso em que tinha sido convidado como jurado.
O objectivo era escolher a criança mais cuidadosa.
Eis alguns dos vencedores:

 

1- Um menino de 4 anos tinha um vizinho idoso cuja esposa havia falecido recentemente. 
    Ao vê-lo chorar, o menino foi para o quintal dele e sentou-se simplesmente no seu colo. 
    Quando a mãe lhe perguntou o que tinha dito ao velhinho, ele respondeu: 
    - Nada. Só o ajudei a chorar.

 

2- Os alunos da professora do primeiro ano Debbie Moon estavam a examinar uma foto de família. 
    Uma das crianças da foto tinha os cabelos de cor bem diferente dos outros. Alguém sugeriu que essa criança tivesse sido adotada. 
    Logo uma menina disse: 
    - Sei tudo sobre adopção, porque eu fui adoptada. 
    Logo outro aluno lhe perguntou: 
    - O que significa "ser adoptado"? 
    - Significa - disse a menina - que tu cresceste no coração da tua mãe, e não na barriga!

 

3- Sempre que estou decepcionado com meu lugar na vida, eu paro e penso no pequeno Jamie Scott. 
    Jamie queria muito ter um papel na peça da escola.

    A mãe disse que tinha procurado preparar o seu coração, pois ela temia que ele não fosse escolhido. 
    No dia em que os papéis foram distribuídos, eu fui com ela buscá-lo à escola.

    Jamie correu para a mãe, com os olhos brilhantes de orgulho e      emoção: 
    - Adivinha, mãe! 
    E disse aquelas palavras que continuariam a ser uma lição para mim: 
    - Eu fui escolhido para bater palmas e espalhar a alegria!

 

4- Conta uma testemunha ocular de Nova York:

    Num frio dia de Dezembro, alguns anos atrás, um rapazinho de cerca de 10 anos, descalço, estava em pé em frente a uma loja de  sapatos, olhando a montra e tremendo de frio. 
   Uma senhora aproximou-se do rapaz e disse: 
   - Você está com pensamento tão profundo, a olhar essa montra! 
   - Eu estava pedindo a Deus para me dar um par de sapatos - respondeu o garoto... 
   A senhora tomou-o pela mão, entrou na loja e pediu ao empregado para dar meia duzia de pares de meias ao menino. Ela também   perguntou se poderia conseguir-lhe uma bacia com água e uma toalha. O empregado atendeu-a rapidamente e ela levou o menino para a parte   detrás da loja e, ajoelhando-se lavou os seus pés pequenos e secou-os com a toalha. 
   Nesse meio tempo, o empregado havia trazido as meias. Ela calçou-as nos pés do garoto e também comprou-lhe um par de sapatos. 
   Depois entregou-lhe os outros pares de meias e carinhosamente disse-lhe: 
   - Estás mais confortável agora. 
   Como ela se virou para ir embora, o menino segurou-lhe na mão, olhou o seu rosto com lágrimas nos olhos e perguntou:
   - Você é a mulher de Deus?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 11:28

Imagens e Histórias Reais

Sexta-feira, 16.07.10

http://www.olharesinsolitos.com/

 

Neste site podemos encontrar as mais belas, espectaculares e insólitas fotos, com histórias reais, em que muitas delas parecem mentira mas não o são. São situações " que só visto, pois contado ninguém acredita ! "

 

Vale apena visitar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 00:13

Charada da Verdade

Segunda-feira, 12.07.10

 Um homem andava pela estrada a caminho da Aldeia Onde Todas as Pessoas Falam Verdade, que é vizinha da Aldeia Onde Todas as Pessoas Mentem.

 Nunca tinha ido a nenhuma das aldeias por isso não conhecia o caminho.

 

 Não lhe interessava, de maneira nenhuma visitar uma aldeia onde as pessoas não conseguem responder com a verdade a qualquer pergunta que lhes seja posta (como é o caso da Aldeia Onde Todas as Pessoas Mentem).

 

A dada altura há uma bifurcação na estrada e ele sabe que para um lado está a aldeia para onde quer ir e para o outro a aldeia que quer evitar a todo o custo.

Não sabendo se deve dirigir-se para a direita ou para a esquerda, fica confuso.

 

 Repara então, que mesmo na bifurcação se encontra uma mulher.

 

Não sabe de qual das aldeias esta é proveniente e tem apenas uma pergunta para lhe colocar.

 

Se ela pertencer à Aldeia Onde Todas as Pessoas Falam Verdade, vai concerteza responder-lhe de forma verdadeira. Se pertencer, pelo contrário, à Aldeia Onde Todas as Pessoas Mentem vai mentir-lhe certamente.

 

Qual a pergunta que o pobre senhor deve colocar à mulher para saber para que lado se deve dirigir?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 16:54

História de Portugal em poucos minutos

Segunda-feira, 12.07.10

Caros estudantes isto não resposta para testes, muito menos exames nacionais !!!

 

 

 

Tudo começou com um tal Henriques que não se dava bem com a mãe e acabou por se vingar na pandilha de mauritanos que vivia do outro lado do Tejo.

 

Para piorar ainda mais as coisas, decidiu casar com uma espanhola qualquer e não teve muito tempo para lhe desfrutar do salero porque a tipa apanhou uma camada de peste negra e morreu. Pouco tempo depois, o fulano, que por acaso era rei, bateu também as botas e foi desta para melhor.

 

 Para a coisa não ficar completamente entregue à bicharada, apareceu um tal João que, ajudado por um amigo de longa data que era afoito para a porrada, conseguiu pôr os espanhóis a enformar pão e ainda arranjou uns trocos para comprar uns barcos ao filho que era dado aos desportos náuticos.

 

 De tal maneira que decidiu pôr os barcos a render e inaugurou o primeiro cruzeiro marítimo entre Lisboa e o Japão com escalas no Funchal, Salvador, Luanda, Maputo, Ormuz, Calecute, Malaca, Timor e Macau.

 

 Quando a coisa deu para o torto, ficou nas lonas só com um pacote de pimenta para recordação e resolveu ir afogar as mágoas, provocando a malta de Alcácer-Quibir para uma cena de estalo. Felizmente, tinha um primo, o Filipe, que não se importou de tomar conta do estaminé até chegar outro João que enriqueceu com o pilim que uma tia lhe mandava do Brasil e acabou por gastar tudo em conventos e aquedutos.

 

 Com conventos a mais e dinheiro menos, as coisas lá se iam aguentando até começar tudo a abanar numa manhã de Novembro. Muita coisa se partiu. Mas sem gravidade porque, passado pouco tempo, já estava tudo arranjado outra vez, graças a um mânfio chamado Sebastião que tinha jeito para o bricolage e não era mau tipo apesar das perucas um bocado amaricadas.

 

Foi por essa altura que o Napoleão bateu à porta a perguntar se o Pedro podia vir brincar e o irmão mais novo, o Miguel, teve uma crise de ciúmes e tratou de armar confusão que só acabou quando levou um valente puxão de orelhas do mano que já ia a caminho do Brasil para tratar de uns negócios.

 

 A malta começou a votar mas as coisas não melhoraram grande coisa e foi por isso que um Carlos anafado levou um tiro nos coiratos quando passeava de carroça pelo Terreiro do Paço. O pessoal assustou-se com o barulho e escondeu-se num buraco na Flandres onde continuaram a ouvir tiros mas apontados a eles e disparados por alemães.

 

Ao intervalo, já perdiam por muitos mas o desafio não chegou ao fim porque uma tipa vestida de branco apareceu a flutuar por cima de uma azinheira e três pastores deram primeiro em doidos, depois em mortos e mais tarde em beatos.

 

 Se não fosse por um velhote das Beiras, a confusão tinha continuado mas, felizmente, não continuou e Angola continuava a ser nossa mesmo que andassem para aí a espalhar boatos. Comunistas dum camandro! Tanto insistiram que o velhote se mandou do cadeirão abaixo e houve rebaldaria tamanha que foi preciso pôr um chaimite e um molho cravos em cima do assunto.

 

Depois parece que houve um Mário qualquer que assinou um papel que nos pôs na Europa e ainda teve tempo para transformar uma lixeira numa exposição mundial e mamar duas secas da Grécia na final.

 

E o Cavaco?

 

O Cavaco foi com o Pai Natal e o palhaço no comboio ao circo.

 

FIM

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 16:42

Resposta à " Charada da Sogra "

Segunda-feira, 12.07.10

Boas. Como "feedback" esta charada foi um autêntico sucesso. Como muita gente quer saber a resposta aqui vai...

 

É o SOGRO !

 

Vou postar brevemente uma nova charada e espero que tenha tanto ou mais sucesso como esta teve.

 

Um Abraço

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Rastr às 16:09







comentários recentes




subscrever feeds